Ilhas Maurícias – Desporto e Lazer

Há 10 anos, quando estava a trabalhar em Angola, resolvi num dos flybacks para Portugal, aproveitar para parar na Africa do Sul (nesta época a SAA ainda voava de Angola para Lisboa) e “dar um pulinho” até as Ilhas Maurícias. Por que tive essa idéia? Como fui sozinha… devia ser um lugar que tivesse com o que me entreter durante o dia, de preferência algum desporto… As Maurícias pareceu o destino perfeito… Mergulho e Windsurf num mesmo resort… praias fantásticas, país calmo para visitar sozinha, e um destino que nunca tinha sequer pensado em fazer… e que teria a oportunidade de ir…

Reservei tudo por uma agência… o Indian Resort Hotel e um carro para nāo ficar todo o dia dentro do resort… conhecer a ilha… bingo! boa escolha… hotel fantástico… como tinha um centro de windsurf e um de mergulho… quando nāo tinha vento… mergulhava e vice-versa, quando ficou mal tempo…fui passear até Port Louis (capital das Maurícias)…

Depois de parar em Moçambique, Johannesburg, finalmente cheguei as Maurícias, de noite.. claro!!… 1 dia de viagem para encontrar o paraíso…Ao chegar a locadora… o rapaz que me atende… pergunta…conhece a ilha? claro que nāo!!!! ele olha… pensa… e ri… diz: bem…nós estamos aqui… e o seu hotel é aqui… tipo do outro lado da ilha…e de noite!!!! Mas como tem sempre gente muito boa nesse mundo…ele me diz… espera um minuto…volta e diz…vem comigo! me apresenta um taxista que vai levar um cliente para um resort do lado do meu… e a quem eu devo seguir!!! Bom…logo na saída primeiro mico…māo inglesa… entro do lado errado do carro…começam todos a rir… e ainda bem que fui seguindo alguém…assim eu o seguia também nas rotundas e entradas de ruas… fui direitinho até o resort!!

No dia seguinte… pequeno almoço com a vista abaixo… pensei….isso tem tudo pra correr bem… o que vocês acham??

Agora, vāo viajar um pouco comigo pelo que fiz pela ilha, para perceberem que correu mesmo muito bem… Eu fiquei em Le Morne…

Nāo era o local mais famoso… e aonde as pessoas que conheço que ja visitaram as Maurícias costumam a ficar… normalmente optam por Flic and Flac.. passei por lá um dia..e nāo me arrependo da minha opção de estadia… no resort que fiquei tinha um Club Mistral de Windsurf e uma escola de Mergulho… o que me garantiu ocupaçāo e companhia todos os dias… a equipa do Club Mistral era fantástica…entāo diariamente acordava…pequeno almoço e lá ia eu me sentar no Club Mistral para ver como estava o vento e a que horas eu ia para dentro d’água…ou se eu ia conversar com o pessoal do mergulho… para combinar o meu mergulho do dia… ou se ia dar uma volta de carro pela ilha… Um dos dias chego no club mistral e me dizem…tem uma tempestade se aproximando… com ventos fortíssimos e hoje não vamos operar… pensei…pronto… lá foram as férias para o brejo…mas felizmente… passou mais afastado… do que o que estavam a espera…

Neste dia, aproveitei para ir a Port Louis…conhecer a capital e como era a ‘cidade grande das Maurícias. Fiquei bastante surpreendida com a quantidade de empresas que estavam instaladas.

Na volta, passei por Flic and Flac para ver como era a praia, aproveitei para dar um mergulho…afinal a tarde o tempo já estava fantástico de novo… Infelizmente nāo achei nenhuma foto da praia… naquela época nao usava o telemóvel para fotografar… nāo tinha selfies… era só câmeras mesmo…

Voltando para os lugares por onde passei… todos os dias dava uma voltinha para conhecer algum lugar novo… um dos pontos turísticos na ilha… é o Parque Chamarel… aonde podemos encontrar as 7 cores de terra (Essa incrível paisagem se formou pela ação erosiva do solo de basalto e pela combinação de seus minerais com a chuva. Esse coquetel, junto com o clima cálido, favorece a decomposição da argila no exterior. Mais surpreendente ainda é o fato de as cores estarem separadas por camadas. Ou seja, se você misturar a terra de diferentes cores, ela acaba se separando novamente por camadas.)

No mesmo local aonde encontramos as 7 cores da terra, encontramos as tartarugas gigantes…

No mesmo parque encontramos as cascatas de Chamarel… Maurícias nāo é apenas praia… tem muito mais paisagens para serem admiradas.

Do Parque também temos uma vista privilegiada do mar…

Voltando um pouco para o desporto e para o Resort… O Club Mistral era composto de uma equipa super simpática, que me fez companhia todo o tempo em que eu estava na praia..Sempre que você se disponibiliza a ir para um local de desporto… com certeza irá encontrar outras pessoas que estão lá com o mesmo propósito que você… por isso dificilmente se sente sozinho…

Quando nāo estava com o grupo do windsurf…estava com o grupo do mergulho… que muitos dias me fizeram companhia também no jantar… pessoas de diversas nacionalidades estavam lá ou para fazer o batismo, curso de mergulho… ou para aproveitar as férias para mergulhar um pouco… Fiz dois dias de mergulho… o primeiro fomos para um ponto mais fundo aonde vimos peixes maiores e o segundo para peixes menores… Essas duas figurinhas eram os dive masters do mergulho… super divertidos e profissionais… Estava eu distraída tirando foto da manta que passava….até que o dive master puxa minha barbatana… vinha o tubarão e eu nao tinha visto…

Ao ir para os pontos de mergulho….passávamos pelo pessoal que fazia windsurf e kite após a a arrebentação… uma barreira que existia..e que fazia uma lagoa mais a frente…e depois ficava mar aberto..

A praia do resort era uma delicia…e se cansasse de ficar na praia tinha a hipótese de ir fazer massagem no spa… ou ficar numa das 3 piscinas disponíveis no resort… (nāo encontrei essas fotos… mas que tinha… tinha… foi pena…)

Quanto a noite… tinham 3 hipóteses de restaurantes para jantar… um internacional…um de grelhados… e um indiano… Claro que experimentei todos.. e diariamente tinha shows diversos a noite…ou seja… nunca me senti sozinha nesta viagem… a noite os companheiros de mergulho vinham ter comigo para ver as fotos… No dia que ia ter a festa na praia com o pessoal do mergulho… tive pena porque choveu muito a noite e nāo teve a festa…

Se gostou… ou ficou com vontade de se aventurar sozinho numas viagem… como eu já fiz algumas… deixe seu comentário… e seu like… se quiser algumas dicas ou recomendações… estejam a vontade… será um prazer ajudar..

Até breve em NaBoaVida.blog!!

Advertisements

Foto do dia #9

Almoçando e admirando o sol… rampa do Centro Náutico do Clube Desportivo de Paço de Arcos

Carnaval em Salvador – Você já foi??

Recordar é viver… Quando ainda morava no Brasil, adorava passar o Carnaval em Salvador, em 2005 nāo resisti… fui de novo!!!!

Já estava morando em Portugal desde o Ano 2000, e passar o Carnaval longe do Brasil me custava tanto quanto passar o Natal longe da família… mas o Natal eu nāo falhava e ia sempre passar com a família. Finalmente decidi em 2005 trocar as datas… passei meu aniversário e o Carnaval no Brasil…mais precisamente em Salvador!!! Sempre gostei de sair nos Blocos… principalmente os do Chiclete com Banana (“Camaleāo”), ou nos blocos  do Asa de Águia (“Me Abraça”)… Adorava!!!!! Me acabava de dançar e de me divertir!!!

Antes ou após o Carnaval, sempre íamos dar o passeio turístico para as compras no Mercado Modelo…e passear pelo Pelourinho!!! Adoro o ambiente, ver a apresentação da capoeira no Mercado, apanhar o Elevador Lacerda para subir até o Pelourinho….e muitas vezes também ia a Igreja do Bonfim para agradecer e rezar por mais um ano!!

Outra sugestão pós carnaval, que ja fiz uma vez…é apanhar o barco, que sai do porto em frente ao Mercado Modelo para Morro de Sāo Paulo… quando fui… eram 4 horas de barco… a experiência no barco nāo foi das melhores… mas atualmente tem lanchas que vāo muito mais rápido e nāo enjoamos… Morro de Sāo Paulo é fantástico… pena nāo ter fotos digitalizadas para partilhar…. quando  for ao Rio vou digitalizar… e atualizo o post…

Quem nunca foi à Bahia… se tiver oportunidade… nāo perca essa chance… é uma terra mística e cheia de encantos… adoro!!! Visitem o Farol da Barra, Praia do Forte, Costa do Sauípe… Se conseguir estender o passeio, deve ir também a Porto Seguro, Trancoso, Arraial d’Ajuda…tantos lugares lindos para visitar!!! Um dos Estados mais bonitos do Brasil, sem duvida…e mais alegre também!!! Adoro a Bahia e se você for…vai adorar também!!

Espero que tenha apreciado a minha experiência e que tenha ficado com vontade de visitar a Bahia… e conhecer o baianos e baianas!! comer um acarajé da baiana da rua… ou ir ao Restaurante da Dadá ou ao Yemanjá comer o que há de melhor na gastronomia baiana… adoro!!! moqueca de camarāo, casquinha de siri… fico com água na boca só de lembrar…

Se já conhece, deixe sua opiniāo, se nāo conhece, deixe o que gostaria de conhecer!! Até o próximo post Na Boa Vida.blog!!

Do Porto à Gaia… Pela Ponte D.Luís

Você já foi do Porto à Vila Nova de Gaia (Gaia) caminhando pela Ponte D.Luís?

Na visita que realizei ao Porto recentemente, fizemos o trajeto: Torre dos Clérigos, Estação de São Bento, em seguida fomos até a Sé (Catedral do Porto ), situada no coração do centro histórico da cidade do Porto. A Sé é um dos principais e mais antigos monumentos de Portugal, o início da sua construção data da primeira metade do século XII, e prolongou-se até ao princípio do século XIII. Esse primeiro edifício, em estilo românico, sofreu muitas alterações ao longo dos séculos…

Após visitar a Sé, resolvemos atravessar a Ponte D.Luís, para ir da Cidade do Porto para Vila Nova de Gaia… cruzando o Rio Douro… Esta ponte tem uma particularidade, possui dois tabuleitos de estrutura metálica, sendo que no tabuleiro superior passa o Metro do Porto… e no tabuleiro inferior passam pedestres (peões) e automóveis… Por isso, se vai parar no meio da rua para tirar fotos…porque a vista é mesmo fantástica… esteja atento!!!… porque pode vir o Metro!!! Foi o que me aconteceu… e saí correndo do meio da rua devido a buzina que ouvi!!!

Ao chegar a Gaia, visitamos rapidamente,  porque encontrava-se fechado… o Mosteiro da Serra do Pilar. 

Já cansados de andar…sentamos na mureta, compramos castanhas… que em Portugal é a cara do Outono… e é uma delícia… comemos apreciando a vista que tínhamos da Ribeira do Porto…

Resolvemos não descer a pé para as caves… e valeu super a pena… apanhamos o teleférico que liga a parte superior da ponte D.Luis às Caves no Cais de Gaia… a vista do teleférico é linda… conseguimos apreciar  todo o deck dos barcos e das caves…

Finalmente chegamos ao cais de Gaia para realizar a visitas às Caves, o bilhete que adquirimos para o teleférico, dava direito a uma prova de vinho na Cave da Quinta Santa Eufêmia…

Depois da prova de vinho fomos tomar um bom vinho do Porto…o Porto Calem… Não poderia deixar de comprar um de recordação… para bebermos em casa no retorno para Lisboa… Pode-se comprar em Lisboa? Claro que podemos, mas não tem a mesma graça… aproveitamos para comprar os copos de recordação para relembrarmos quando beber o vinho…

No caminho para as caves, no Centro Histórico de Gaia,  podemos apreciar arte urbana nas paredes dos prédios…como podem verificar nas fotos abaixo…a metade do coelho é do artista Bordallo II, e a parede de pneus infelizmente não consegui descobrir o autor…

Petiscamos algo no mercado de Gaia, um espaço muito giro para visitar e almoçar… e retornamos pelo tabuleiro inferior da Ponte para apreciar o fim de tarde na ribeira do Porto…agora com vista de Gaia… simplesmente lindo o passeio… tomamos uma ginjinha em copo de chocolate para aquecer… apesar de não ter chovido, estava frio….e por vezes sumia o sol…

Voltamos a pé para o Centro do Porto, aonde estávamos hospedados, passando pelo Palácio da Bolsa que parecia realmente lindo e todos recomendam a visita, mas devido ao horário deixamos para uma próxima oportunidade… já que tínhamos combinado de jantar uma francesinha com amigos.(ver o post: http://naboavida.blog/2018/11/03/francesinha-no-porto)

Espero que tenham gostado de mais um passeio com Na Boa Vida… se gostaram deixe seu Like…se gostaria de obter mais dicas sobre o Porto, tem alguma sugestão ou gostaria de deixar sua opinião sobre o post, deixe seu comentário…

Até o próximo post de Na Boa Vida…

Angola – Uma Visita ao Lubango

Nos 8 anos que estive em Angola a trabalho, tive a oportunidade de ir 2 vezes ao Lubango a passeio ( Lubango é uma cidade e município do sul de Angola, situada no planalto da Huíla. É a capital da província da Huíla. Tem cerca de 2 milhões de habitantes).

Para quem nāo conhece, Angola possui paisagens fantásticas e únicas… Uma grande vantagem deste tempo que lá estive, foi a possibilidade de visitar as províncias, normalmente nos feriados prolongados… e testemunhar a realidade deste país, sua cultura, seu povo e me deslumbrar com as suas paisagens encantadoras…

Angola é um país, que apesar de toda a desigualdade social que existe, tudo é motivo de festa, famílias grandes, unidas e que lutam muitas vezes para sobreviver…

Quando se visita o Lubango, normalmente fazemos dois em um, vamos ao Namibe e Lubango. Desta vez, o nosso vôo foi diretamente ao Namibe e subimos a Serra da Leba para chegar ao Lubango, um caminho lindo!! A Serra da Leba é um dos cartões postais de Angola. Verifique se nunca viu esta imagem antes:

 

Ao chegarmos ao topo da Serra e pararmos no Miradouro para as fotos, encontramos uma Festa na Cachoeira… a bebida era refrescada dentro da água fria que corria da cachoeira, colunas enormes de som, alimentadas por um gerador que foi levado para a festa… uma logística impressionante para “a Festa da Cachoeira”… fomos convidados a ficar… por pouco… desistíamos do passeio para ficar na festa… mas como vínhamos de longe… e tínhamos pouco tempo, resolvemos após as fotos seguir viagem… mas foi pena!

Depois de mil fotos tiradas com a Serra da Leba de pano de fundo… seguimos para o nosso destino seguinte… O Cristo Rei de Angola, que fica no Lubango… Ahh pois é… Angola também tem um Cristo Rei… nāo é só o Rio de Janeiro e Lisboa… o Lubango também! e mais uma vez… abençoando sua cidade de braços abertos…

Saindo do Cristo Rei, fomos para a Fenda da Tundavala, lindo!!! simplesmente lindo!! Tive a oportunidade de ver a Tundavala com sol e na segunda vez que fui… com neblina… ou seja, nāo se via rigorosamente nada!

O caminho para lá em 2008 era bastante acindentado, mas em 2013 quando retornei… já estava muito melhor…

2432065620052576823

É nos penhascos da Tundavala que termina o Planalto Central de Angola. Aqui o planalto excede 2200 metros de altitude e cai abruptamente para cerca de 1000 metros de altitude, provocando um desnível deslumbrante com fendas colossais na montanha. Daqui se desfruta uma paisagem magnífica que se estende por dezenas de quilómetros.

Vejam que paisagem deslumbrante… como eu nāo sou muito amiga de altura, nāo consegui tirar fotos muito provocativas… foram mais conservadoras… nāo me aventurei a beira do penhasco…

E agora é hora de voltar para o Namibe…que irei apresentar em breve em outro post…

Espero que tenha gostado de mais um post de Na Boa Vida (deixe seu Like! )… Se desejar mais informações ou dicas sobre Angola e Lubango, deixe suas questões nos comentários… Até breve!!

 

 

 

3 Meses “Na Boa Vida…”

3 meses!!! e já estamos quase no fim do ano!!

Mais um mês muito engraçado em que dedico meus tempos livre, principalmente fim de semana e à noite quando estou em casa a partilhar no blog mensagens positivas e de boa disposição a todos os que podem tirar 10 minutos para ler e prestigiar o blog…boa disposição acima de tudo!!!

Nesse mês, foquei não apenas em viagens…mas também em partilhar com vocês as experiências gastronômicas e recomendar os restaurantes por onde passei… Consegui atingir…sei que ainda é muito pouco…mas para quem começou do zero…os 400 seguidores no instagram… e começar a ter uma rede mais consistente no wordpress, assim como no facebook…

No âmbito da Alimentação (Gastronomia) publiquei:

Diversão/Eventos recomendados:

Férias/Viagem…locais visitados…não necessariamente em Férias…indicados e comentados:

Continuo com a mesma motivação do início…e o facto de estar sempre a aprender para mim, já está valendo… Comecei a receber solicitações de dicas de viagens… comentários queridos dos lugares que posto, amigos me ligando e perguntando sobre restaurantes que postei… começa a gerar uma dinâmica engraçada, que apesar de não ter muito tempo disponível, sempre que posso tento responder no mesmo dia… Encaro o meu blog como uma terapia… visto que é algo que me ajuda a relaxar…e muito… no fim do dia de trabalho…

No próximo mês, vou focar em dinamizar um pouco mais o Pinterest e o Twitter, que neste momento está parado devido a mudança do email que tiver que fazer, por já ter um anteriormente com meus dados pessoais…

Esse post é um resumo do que já aconteceu ao longo deste mês e que espero que se mantenha por muitos mais!!!

Espero que estejam gostando e que continuem seguindo ‘Na Boa Vida…’

Um beijinho para todos e até breve !!!! Ahhh feedback são sempre bem-vindos !!!

Porto – Torre dos Clérigos à Sé

Se você for ao Porto irá confirmar a quantidade impressionante de turistas que andam pelas ruas…muitos espanhóis, brasileiros e de todas as nacionalidades que possa imaginar…

De facto a cidade está muito gira de ser visitada. Já não ia ao Porto fazia praticamente 13 anos, quando estive lá a trabalho… e foi uma agradável surpresa caminhar pelas ruas… passar pela Avenida dos Aliados, ir até a Torre dos Clérigos…

Voltar e ir até a Sé, passando pela estação de São Bento… um passeio no qual vai encontrar muita história e irá ver edifícios e fachadas antigas… muito bem conservadas e restauraras…

Se gostou do Porto como eu, deixe seu Like… se quiser alguma dica, deixe seu comentário…

Espero que goste do post…em breve vamos chegar a Gaia…

Até o próximo Na Boa Vida!!

Estação de São Bento – Porto

Durante o passeio pelo Centro histórico da Cidade do Porto pela manhã, passei pela Estação de São Bento, que atende a linha ferroviária do Minho, mas não dei importância.

Ao voltar para o hotel no fim do dia e já de noite… vi a estação literalmente com outros olhos e resolvi entrar.

A estação, construída entre 1913 e 1916, é erradamente referenciada como podendo ter sido desenhada por Gustavo Eiffel, já que é dos arquitectos portugueses Alfredo Augusto Lisboa de Lima, Mário Veiga e Ferreira da Costa

A beleza não era só exterior, como eu já havia comprovado, é lindaaaaaa por dentro… paredes de azulejos fantásticas!!!! Cito abaixo um trecho da história dos azulejos dessa estação.

‘O átrio principal da estação está revestido de azulejos de temática histórica.[2][6] Cobrindo uma superfície de cerca de 551 metros quadrados, representam, principalmente, cenas passadas no Norte do país, estando retratados, entre outros aspectos, o Torneio de Arcos de Valdevez(painel Batalha de Arcos de Valdevez), a apresentação de Egas Moniz com os filhos ao Rei Afonso VII de Leão e Castela, no Século XII, a entrada de D. João I e de D. Filipa de Lencastre no Porto (painel Entrada de João I no Porto), em 1387, a Conquista de Ceuta, em 1415, e a vida tradicional campestre (painéis Vistas e Cenas Rurais); um friso colorido (História dos Transportes) dedica-se à evolução dos transportes em Portugal, concluindo com a inauguração dos caminhos de ferro.[4][10] Foram produzidos na Fábrica de Sacavém[10] e instalados entre 1905 e 1906 pelo artista Jorge Colaço, que, nessa altura, se afirmava como o mais popular azulejador em Portugal.[2] Os azulejos apresentam um estilo típico da Arte Nova, utilizando cores muito claras, conhecidas como cores-pastel’

Aproveito para deixar algumas Fotos para que possam admirar também a beleza desse monumento histórico da Cidade do Porto.

Espero que gostem do post…se gostarem deixem seus Likes e seus comentários! Se precisar de dicas, estejam à vontade, no que puder ajudar, estou a disposição!!

Bjs e até o próximo post Na Boa Vida….

Victoria Falls – Vista Aérea

Na sequência do último post vou apresentar um pouco da regiāo da Victoria Falls, tanto do lado do Zimbabwe quanto da Zâmbia.

Recomendo, se tiverem oportunidade, de realizarem o vôo de Helicóptero (Wild Horizons), sobrevoar o paraíso natural da Victoria Falls, sendo possível ver animais, as cataratas e toda a paisagem fantástica, que o vôo é capaz de proporcionar… Fizemos a reserva previamente   à viagem, e a empresa que realiza o vôo nos apanhou e nos deixou no hotel em que estávamos (Victoria Falls Hotel).

 

Espero que tenham gostado do post e das fotos, se precisarem de alguma dica, estejam a vontade para contactar. Sigam os links do Hotel e do vôo de helicóptero se precisarem.

Se gostou, deixe seu like e seus comentários. Até o próximo post!!! bjss

Victoria Falls – Visto de Terra

Hoje vamos viajar para um pouco mais longe… até o Zimbabwe… uma viagem de sonho que já realizei… neste post vou apresentar o que vi de ‘terra’ e depois irei fazer um post com a vista do vôo de helicóptero…

Fiquei hospedada no Victoria Falls Hotel…este hotel era o mesmo em que a Rainha da Inglaterra ficava quando ia para lá, pelas fotos vocês irão entender o porque e o visual se mantém digno de uma Rainha…É possível imaginar uma rainha naquele espaço…

Tive uma situação bastante engraçada nesse hotel… estávamos retornando de um safari em que a bagagem tinha peso bastante limitado… então não levava roupas adequadas para o local… mas isso não me abalava minimamente em curtir o local e o ambiente… De noite vou jantar no hotel com as minhas amigas… e assim que chegamos no hall do hotel…voltamos correndo pro quarto e rindo!!!! Tinha uma festa de gala no hotel!!! os homens de smoking… e a gente…de chinelos e sandálias…

Mas como estávamos de ferias… não era isso que estragaria a viagem…. pelo contrario… foi uma razão de rir e nos divertirmos mais ainda….e na volta para o quarto… a minha única sandália…arrebenta no caminho… para completar a situação engraçada em que estávamos…

Quanto a vista do hotel…irei adicionar fotos….e vocês irão tirar as conclusões…

Não chegamos a ir para o lado da Zâmbia… para a piscina natural no Rio Zambeze… Piscina do Diabo… não tive coragem…só de ver…já tinha medo…parecia que as pessoas iam escorregar e cair pela catarata abaixo…

Espero que curtam… como eu curti! deixem seus comentários…dicas e recomendações, estejam a vontade para solicitar nos comentários…

Aguardem o próximo post que será a vista aérea da Victoria Falls… posso garantir que väo apreciar a vista… beijos a todos e até o próximo post!

À bientôt Paris – 6 meses muito bem passados

Não podia deixar de criar um post na minha última noite em Paris. Fim do projeto, hora de voltar para Lisboa, com sentimento de missão cumprida e de ter aproveitado ótimos momentos na Cidade Luz.

Para me despedir, fui hoje dar uma voltinha pela Champs Elysées e Arco do Triunfo… são muito lindos os monumentos parisienses…

Vou sentir saudades… sem duvida…de passear no meio de tanto luxo… mesmo que seja mesmo só passear… nem me aventuro a entrar na Louis Vuitton… apesar da fila constante que tem na porta, não tem nada barato nem dão nada lá dentro 😀

Então fui me distrair comprando umas máscaras na Sephora… lembrei tanto das blogueira de produtos de beleza… a loja da Champs Elysées é mesmo fantástica… fiquei um bom tempo assimilando a beleza da loja e o glamour que ela nos passa… adorei !!!!!

À bientôt Paris… vou mas já tenho saudades…

Se curtiram deixem sei Like e comentário são sempre bem vindos! Até breve… agora Back to Lisbon!!!

2 Meses “Na Boa Vida…”

2 meses!!! e como passa rápido!

Mais um mês muito engraçado em que dedico meus tempos livre, principalmente fim de semana e à noite quando estou em casa a partilhar no blog mensagens positivas e de boa disposição a todos os que podem tirar 10 minutos para ler e prestigiar o blog…boa disposição acima de tudo!!!

Nesse mês, consegui ligar as redes sociais ao blog, facebook e instragram…e pouco a pouco vou percebendo o reflexo que uma tem na outra…basta lançar uma foto nova no instagram, que automaticamente começam a aumentar a visualização e o interesse dos seguidores, interessante perceber o meio e o tipo de interação necessária para crescer…A interação com outros bloggers tem sido bastante interessante, a variedade de temas existentes e as palavras carinhosas que tenho recebido como comentários nos posts e nas fotos tem sido bastante gratificantes…

Esse post é um resumo do que já aconteceu ao longo deste mês e que espero que se mantenha por muitos mais!!!

img_7870

Espero que estejam gostando e que continuem seguindo ‘Na Boa Vida…’

Um beijinho para todos e até breve !!!! Ahhh feedback são sempre bem-vindos !!!

 

Chipre – Aiya Napa e seu Parque de Esculturas

No primeiro dia de passeio, já estávamos retornando para o hotel quando vemos um parque aberto cheio de esculturas… uma área grande e com esculturas realmente muito diferentes e muito giras.

Não bastava as esculturas, ainda vimos o pôr do sol através delas… visual fantástico e perfeito… Esse post não têm muito o que descrever, mais vale encher de Fotos do que perder tempo descrevendo algo indescritível…

Se quiser saber mais pormenores sobre as esculturas sugiro lerem Parque de Esculturas Aiya Napa

Se precisarem de mais alguma dica,  deixe seu comentário. Comentários e sugestões são sempre bem vindos!!! Espero que curtam mais esse post de Chipre… Se gostou, não deixe de ver no blog os posts sobre Aiya Napa – curiosidades e sobre o Mergulho Fantástico em Chipre !!!

Até breve!!!! Sempre Na Boa Vida…

Que passeio fazer próximo de Lisboa em 1 dia?

Existem diversas opões de passeio a fazer por alguém que esteja hospedado em Lisboa, hoje vou apresentar um que fiz no sábado junto com um casal de amigos que estava visitando Lisboa.

Aproveitando que já não era época balnear e que o tempo estava bom, fomos fazer a seguinte volta Lisboa – Cabo Espichel – Sesimbra – Serra da Arrábida – Setúbal.

A meteorologia previa para o fim do dia a Tempestade Leslie, tudo muito bem controlado, tínhamos que estar de volta por volta das 18h para não sermoa apanhados na rua, e não fomos! por 10 minutos!!

Saímos de Lisboa por volta das 10h30 para aproveitar ao máximo o dia, já que já não estamos com os dias tão longos como no Verão. Aproveitamos para atravessar a Ponte 25 de Abril na ida e retornar pela Ponte Vasco da Gama, para que pudessem conhecer ambas as pontes, que não deixam de fazer parte da beleza da cidade e do passeio.

Fomos direto ao Cabo Espichel para verem a beleza natural da nossa costa. Como estava um dia lindo de sol e sem vento! estava um visual lindo e muito agradável para estar ali fotografando e admirando. O Cabo Espichel marca a extremidade sudoeste da península de Setúbal.

No cabo Espichel situa-se o conjunto do Santuário de Nossa Senhora da Pedra MuaIgreja de Nossa Senhora do Cabo, Ermida da Memória, Casa dos Círios, Terreiro no Cabo Espichel, Cruzeiro, Casa da Água e Aqueduto no Cabo Espichel.

Ao sair do Cabo Espichel, fomos em direção a Sesimbra, mas antes demos uma parada no Castelo de Sesimbra, aonde encontramos a Torre de Atalaia, construída durante o reinado de D.Diniz, que servia para vigiar a vila e toda a costa marítima.

Aproveitamos para visitar a Igreja de Santa Maria que ficava dentro das muralhas do Castelo, estava sendo preparada para um casamento. Estava linda a decoração!

Após visitar o Castelo e andar pelas muralhas, fomos em direção a Sesimbra para almoçar. Claro que optamos pelo peixe, na maioria dos restaurante via-se uma montra com os peixes e mariscos super frescos, prontos a serem preparados. Vale a pena referir as sobremesas que comemos, era algo….fantástico!!!! (como podem ver na foto).

Após o extraoordinário almoço, caminhamos pela orla e visitamos o Museu Marítimo de Sesimbra, aproveitando para tirar umas fotos e registar o momento.

Uma vez que já vimos tudo em Sesimbra, continuamos a voltinha. Optamos por não passar por Azeitão porque ninguém era capaz de comer a Torta de Azeitão, por ter comido muito no almoço!!! Mas recomendo…Vá a Azeitão e se deliciem com a tão famosa Torta de Azeitão.

A caminho de Setúbal, optamos por apanhar a estrada de cima, para que pudessemos ter a vista completa das praias da Arrábida, vista fantástica!!!! Tem recuos na estrada, em que podes encostar sem perigo.

Chegando a Setubal, paramos para um café… e para aproveitar a vista da Penínsul de Tróia…Começamos a dar conta que a tempestade estava chegando pelo vento que começou…então resolvemos voltar e fechar o dia passando pela Ponte Vasco da Gama, que seria palco da Meia Maratona EDP no dia seguinte.

Se necessitar alguma dica ou informação, envie mensagem ou faça comentário, responderei com todo o prazer.

Se gostou do post…e apreciou as fotos, deixe seu like!! Até breve com mais posts…sobre a Volta a Espanha no feriado!

Versalhes e seus Jardins de Sonhos

Quem já foi a Versalhes e não visitou os seus jardins perdeu pelo menos 50% da beleza desse lugar tão lindo, romântico e que nos faz viajar no tempo.

Já estive em Versalhes duas vezes, uma no inverno e uma no verão. O inverno torna o ambiente dos jardins mais sombrio e mais enigmático, sinceramente viajei no tempo quando estive no inverno e com a música clássica de fundo, era mesmo lindo!!!

No verāo, com o calor abrasador que estava, nāo teve o mesmo encanto, mas continuava lindo. Se deixar a imaginaçāo ‘voar’ você será capaz de ‘ver’ os reis, rainhas e princesas caminhando ao longo daqueles jardins… se galanteando, se admirando e apreciando os jardins, assim como eu estava apreciando. Alguns andavam de barcos a remo no lago dos jardins, bastante romântico!!

Os bilhetes, tanto para o palácio quanto para os jardins, podem ser comprados antecipadamente pela internet, no site oficial do Palácio de Versalhes. Acredito que se for somente para o jardim não tenha problema com filas. Eu não tive a oportunidade de ficar até de noite, mas tem um espetáculo noturno no jardim que finaliza com queima de fogos, disseram ser um espetáculo muito bonito, mas não consigo opinar por não ter visto, se já assistiu deixe sua opinião, por favor.

Se gostou do post deixe seu ‘like’, comentários e sugestões são sempre bem vindas!

Chipre – Ayia Napa (Curiosidades)

O Chipre para mim era um incógnita, nunca tinha pensado antes em ir até que uma amiga sugeriu para gastarmos milhas que iam expirar… e que tal Chipre? Bom…não conheço, por isso está valendo!!!

Escolhemos